Pague 2 e leve 1! Panini e o golpe dos Novos 52

Esses dias fui na banca para ver se tinha chegado. E finalmente chegou!

Depois de um ano de espera, os Novos 52 chegaram ao Brasil editados pela Panini. Liga da Justiça e Lanterna Verde são as duas primeiras (pelo menos das que eu vi).

Imagem da Capa da Liga da Justiça #1

Mas como ainda não deu tempo de ler pois estou ocupado com coisas mais importantes  gostaria de postar sobre um fato bem interessante que o Levi Trindade (Editor Sênior DC Comics) aponta na carta de abertura que fica na contra capa dessas duas edições:

E, para coroar tudo isso, a Panini, que celebra uma década publicando o material da DC, tem o maior orgulho de revelar que, a partir deste mês e ao longo dos próximos, você conhecerá TODOS os novos títulos lançados pela DC por meio das novas revistas mensais e das edições especiais que chegarão às bancas e comic shops – algo que, fora dos EUA, só ocorrerá no Brasil.

Acho isso importante de colocar e comentar, afinal, nunca antes na história desse país houve um tamanho respeito pela produção de quadrinhos! Sobre isso eu tenho algumas justificativas/especulações:

1. o Levi Trindade é um fã de verdade e conseguiu convencer a Panini da importância dessa atitude;

2. o crescimento econômico do Brasil fez com que o acesso a esse tipo de entretenimento ficasse mais fácil (impulsionado pelos filmes da Marvel e DC que colocaram holofotes imensos sobre esse universo).

O Lula também concorda! (Aliás esse é um bom livro do Marcelo Tas com as grandes frases do nosso ex-presidente)

Tomo a liberdade de colocar aqui a lista feita pelo Omelete que mostra como serão publicados os novos 52.

BATMAN: Batman (Scott Snyder e Greg Capullo),Batman – The Dark Knight (Paul Jenkins e David Finch), Detective Comics (Tony Daniel).

SUPERMAN: Action Comics (Grant Morrison e Rags Morales), Superman (George Pérez e Jesús Merino), Supergirl (Michael Green, Mike Johnson e Mahmud Asrar)

LANTERNA VERDE: Green Lantern (Geoff Johns e Doug Mahnke), Green Lantern Corps(Peter J. Tomasi e Fernando Passarin), New Guardians (Tony Bedard e Tyler Kirkham)

LIGA DA JUSTIÇA: Justice League (Geoff Johns e Jim Lee), Justice League International(Dan Jurgens e Aaron Lopresti), Captain Atom (JT Krul e Freddie Williams III)

FLASH: Flash (Francis Manapul e Brian Buccellato), Green Arrow (JT Krul e Dan Jurgens),Deathstroke (Kyle Higgins e Joe Bennett)

UNIVERSO DC: Aquaman (Geoff Johns e Ivan Reis), Wonder Woman (Brian Azzarello e Cliff Chiang), Savage Hawkman (Tony Daniel e Philip Tan), Fury of the Firestorm (Ethan Van Sciver, Gail Simone e Yildiray Cinar), Mister Terrific (Eric Wallace e Gianluca Gugliotta),OMAC (Dan Didio e Keith Giffen), Blackhawks (Mike Costa, Graham Nolan e Ken Lashey).

A SOMBRA DO BATMAN: Batman & Robin (Peter Tomasi e Patrick Gleason),  Batwoman (JH Williams e W. Haden Blackman), Batgirl (Gail Simone e Ardian Syaf), Catwoman (Judd Winick e Guillem March),  Red Hood and the Outlaws (Scott Lobdell e Kenneth Rocafort), Batwing(Judd Winick e Ben Oliver), Nightwing (Kyle Higgins e Eddy Barrows).

NOVOS TITÃS & SUPERBOY: Teen Titans (Scott Lobdell e Brett Booth), Superboy (Scott Lobdell e RB Silva).

ESQUADRÃO SUICIDA & AVES DE RAPINA: Suicide Squad (Adam Glass e Federico Dallocchio), Birds of Prey (Duane Swierczynski e Jesús Saiz).

UNIVERSO DC APRESENTA: DESAFIADOR: DCU Presents: Deadman (Paul Jenkins e Bernard Chang).

FRANKENSTEIN, AGENTE DA S.O.M.B.R.A: Frankenstein: Agent of SHADE (Jeff Lemire e Alberto Ponticelli).

Destaquei apenas os títulos que estarão nas Bancas. Para lista completa, clique aqui.

Se, num milagre excepcional da improbabilidade absoluta, eu subitamente me tornasse editor da Panini no Brasil, teria a seguinte sugestão: publicar no Brasil cada história em separado e vendê-las por 2 reais (cálculo aproximado do custo que se assemelharia ao custo nos EUA).

Afinal, você compraria a Liga da Justiça, um best seller usual; mas e o Capitão Átomo, um semi-bucha por definição? Quantas vezes você ouviu um garotinho remelento dizer “o Capitão Átomo é meu herói favorito!”?

Com os mixes, a Panini garante a publicação de vários dos melhores personagens, mas ficamos em parte reféns de adquirir histórias que muitas vezes não nos interessam.

Mas aí é começar a reclamar de barriga cheia também! Ou não?

“He he he. Sim, crianças, comprem, comprem, COMPREEEEM!!”

Anúncios
Esse post foi publicado em Sidekick e marcado , , , , , . Guardar link permanente.

3 respostas para Pague 2 e leve 1! Panini e o golpe dos Novos 52

  1. Levi Trindade disse:

    Muito bacana o post, Iberê. Ficou bem legal mesmo. Não sei se seria possível, por conta da própria característica de alguns gibis, publicarmos todas as histórias como edições separadas (e talvez nem chegássemos a tal preço de capa), porém creio que o modelo revista-mix ainda tem uma grande vantagem sobre o formato de vendas americano. E, sim, eu sou MUITO fã da DC, mas também posso dizer que sou fã de praticamente todos os estilos de quadrinhos. O pessoal lá em casa que sofre por conta dessa minha paixonite aguda por HQs (e filmes também). Um abraço.

  2. Nerdbully disse:

    Só tenho uma coisa a comentar, Levi: se o mix do Batman viesse com Batman & Robin ao invés de Dark Knight estaria perfeito! O mix do Super também é interessante, mas o da Liga da Justiça…

  3. Pingback: Batman em dose tripla ou “você ainda compra gibi mensal?” | Quadrinheiros

Comente!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s