Papo Quadrinheiro: The Witcher

papo quadrinheiro the witcher podcast quadrinheiros

Nesse episódio convidamos Marcelo Manaro (Guardiões Perdidos) para falarmos do universo dos livros, games e série live action e animada do bruxeiro mais poderoso da Escola do Lobo – Geraldão de Rivia!

Sobre Nerdbully

AKA Bruno Andreotti; Historiador e Mestre do Zen Nerdismo
Esse post foi publicado em Nerdbully, Papo Quadrinheiro, Picareta Psíquico e marcado , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

4 respostas para Papo Quadrinheiro: The Witcher

  1. Ser das Trevas disse:

    O cabelo da Ciri não é branco nos livros e sim cinza.

  2. Ser das Trevas disse:

    A atuação do Cavill é medíocre em The Witcher.
    Mostrando apenas uma expressão facial ao manter seu rosto zangado com sobrancelhas franzidas durante toda a temporada.
    Transformando Geralt no protagonista de ação brutal mais genérico e clichê que existe.
    Cada vez que ouço elogios a ele, não posso deixar de pensar que é porque ele é uma pessoa genuinamente simpática.
    E parece um cara legal, mas suas habilidades de atuação deixam a desejar, ele é como o novo Keanu Reeves nesse aspecto.

  3. Ser das Trevas disse:

    Não há racismo no fato é que nenhum dos personagens principais da saga The Witcher é negro.
    E é obviamente baseado na Europa Medieval.
    A Netflix é uma vergonha para a saga The Witcher e todos os personagens são estuprados por eles.

  4. Ser das Trevas disse:

    Não gosto de Anya como Yennefer (má escolha de elenco, má escrita).
    Parece uma adolescente chorona.

Comente!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s