Alto Evolucionário – o vilão onipresente da Marvel

HIGH-EVOLUTIONARY-Alto EvolucionárioO Alto Evolucionário está em toda Marvel – e eu posso provar. 

Ele está por toda parte na cronologia da Marvel. Sua influência foi determinante na origem de vários personagens como Feiticeira Escarlate, Mercurio e Mulher-Aranha, além de Adam Warlock. E agora ele pode parar até no MCU.

Na atual série da Jessica Drew (Mulher-Aranha), roteirizada pela genial Karla Pacheco, a personagem revisita o seu passado. O Dr. Jonathan Drew, pai de Jéssica e cientista da Hydra que foi responsável pelos experimentos que deram super poderes à filha, deixou uma trilha de pontas soltas. Na série somos apresentados a uma longa lista de parentes perdidos da Mulher-Aranha, que precisa se acertar com esse passado desconhecido ao mesmo tempo que com seu presente (como mãe) e futuro (como esposa). Nessa trilha ela reencontra o Alto Evolucionário, o cientista Herbert Wyndham, que foi colega de laboratório do seu pai e que é em parte responsável pelo destino de Jéssica. A Panini já publicou por aqui as 10 primeiras edições desse da Karla Pacheco, que ainda não terminou nos EUA.

mulher-aranha-alto-evolucionacc81rio

Outro título atual que tem a participação do Alto Evolucionário é X-Men. No título lançado em 2021, escrito pelo Gerry Dugan (que já escreveu outros títulos para essa linha coordenada pelo Jonathan Hickman), o geneticista aparece em Krakoa e na batalha inevitável ele lembra que já fez experimentos com a Vampira.

Essas novas aparições de um personagem que é um tanto obscuro dentro da cronologia dos quadrinhos alimentou a especulação sobre a futura aparição do Alto Evolucionário nos filmes e séries de TV da Marvel. O final de Wandavision, que mostra a Feiticeira Escarlate numa cabana ao pé de uma montanha (um cenário bastante europeu), levou a especulações sobre se essa montanha não seria Wundagore, um dos refúgios e laboratório do Alto Evolucionário nos quadrinhos. Tanto Wanda quanto Pietro tem sua origem e poderes (nos quadrinhos) ligados ao laboratório de Wundagore, onde eles nasceram e ficaram escondidos por muitos anos.

Monte-Wundagore

Wundagore dos quadrinhos e da cena final de Wandavision.

Outro personagem profundamente afetado pela tragetória do Alto Evolucionário é o Homem-Aranha. Um dos assistentes de laboratório do Alto Evolucionário, o Dr. Miles Warren, evoluiu um chacal até uma forma humanóide. A experiência saiu do controle e a criatura matou a família do Dr. Warren. O Alto Evolucionário exppulsou Warren de Wundagore, e o cientísta assumiu a identidade de Chacal e fez os experimentos de clonagam que levaram à Saga do Clone, que até hoje afeta as histórias de Peter Parker.

O terceiro filme dos Guardiões da Galáxia é também fonte de especulação sobre a aparição do Alto Evolucionário no MCU. O personagem Adam Warlock, já anunciado pelo diretor Jamos Gunn, que será vivído no filme pelo ator Wil Poulter, é um dos heróis mais poderosos da Marvel. Nos quadrinhos, depois de sua aparição em 1967 e de algumas poucas histórias com quase nenhuma explicação sobre sua origem, o lendário roteirista Roy Thomas, usou Adam Warlock numa saga que ele vinha desenvolvendo em 1972. A história falava sobre uma Terra paralela, criada pelo Alto Evolucionário para ser uma utopia, mas que tinha sido dominada por uma de suas criações – o Homem-Fera (Man-Beast).

Adam-Warlock-Infinity-Gauntlet

A intenção de Thomas era usar os personagens Homem-Fera e Adam Warlock como metáforas para o Demônio e o Messias. É nessa fase que o Alto Evolucionário entrega a Adam Warlock a Jóia da Alma (uma das Jóias do Infinito). Mais tarde, outro roteirista lendário, Jim Starlim, leva Warlock para outro patamar, criando a base para a Manopla do Infinito e para o Thanos que conhecemos no MCU.

Aparentemente o Alto Evolucionário já está no MCU, por trás das histórias que estão sendo apresentadas, influenciando e manipulando os personagens. Talvez nas sombras ele seja mais relevante. Pelo menos por enquanto!

 

Sobre Picareta Psíquico

Uma ideia na cabeça e uma história em quadrinhos na mão.
Esse post foi publicado em Picareta Psíquico e marcado , , , , , . Guardar link permanente.

Comente!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s