Para o alto e avante: O que esperar de Man of Steel?

Assim como os fãs do Homem Morcego tiveram que aguentar os filmes de Joel Schumacher, os fãs do Homem de Aço passaram por um longo jejum desde os filmes de Richard Donner, tendo que aguentar os sofríveis Superman III e IV.

superman--the-movie-wallpapers_17486_1024x768

Bryan Singer teve uma boa intenção com seu Superman Returns: partir de onde Donner havia parado. Ideia boa, execução péssima. Como todos sabem de boas intenções o inferno está cheio.

superman_returns_poster

Parecia realmente que o Super em carne e osso estava fadado a ficar somente na série Smallville, que apresentou um Clark Kent bunda-mole e relutante em se tornar o Superman para essa geração leite com pera.

serie smallville superboy

Mas com o sucesso dos filmes de super-heróis da Marvel e o Batman de Christopher Nolan agradando a gregos e troianos, a Warner resolveu dar mais uma chance ao Azulão. Chamou Nolan para dirigir, convite que foi, infelizmente, declinado, mas então chamaram o 2nd Best, Zack Snyder para o trabalho. Apesar de alguns xiitas não gostarem do que ele fez em Watchmen, creio que foi uma boa adaptação e Nolan está como produtor justamente para cortar eventuais cagadas do Snyder.

cavill-man-of-steel

Os trailers parecem promissores. Estou evitando ver muitas imagens nem ler nada muito aprofundado sobre a trama para não estragar o filme (hoje em dia, vacilou você toma spoiler na cara), que infelizmente chegará às nossas telas com quase 1 mês de atraso, mas pelo pouco que vi, consegui identificar elementos de algumas HQ’s que comentarei abaixo. Portanto pode ler esse post tranquilo que não há spoilers sobre o filme, só alguns leves sobre a trama das referidas histórias. Parece que o Nolan ensinou bem sua lição: para que ficar tentando criar um roteiro “original” com personagens que tem mais de 70 anos de histórias? Pegue as melhores e faça algo decente para agradar aos fãs!

Superman: Earth One

O projeto Earth One foi idealizado pela DC antes de seu reboot, com a proposta de criar novas origens para personagens clássicos da editora. Com os Novos 52 o projeto acabou ficando meio sem sentido, mas mesmo assim lançado. Com roteiro de J. Michael Straczynski e desenhos de Shane Davis.

Vemos um Clark Kent com dúvidas existenciais aos 20 e poucos anos e tendo que se defrontar com Tyrell, o líder de uma raça alienígena com um visual que mais parece saído da banda Kiss.

A inovação à origem do Super é que a destruição de Krypton não foi acidental, mas provocada pela raça de Tyrell.

Minha aposta é que no filme vão aproveitar a HQ como storyboard para as cenas de ação e a trama da invasão alienígena, mas com Zod no papel de vilão. A parte onde Zod intima Superman a revelar-se para salvar a Terra (ou os Estados Unidos, o que nos filmes é a mesma coisa), já vista nos trailers, é idêntica.

1485039-104

All Star Superman

Mas parece que o filme vai ter alguma profundidade. Diferentemente da Marvel que aposta em tramas para adolescentes de 13 anos (e adultos com o mesmo nível intelectual), o filme parece que vai seguir uma abordagem mais sofisticada para o Super. As recentes declarações de Snyder de que o filme vai resgatar os paralelos do Super com Cristo (já presentes nos filmes de Richard Donner) parecem indicar isso.

E muito provavelmente essa profundidade virá de All Star Superman, da já comentada dupla Grant Morrison /Frank Quitely, que chegou a virar até animação, mas que não chega nem aos pés da HQ.

Morrison se comporta como um verdadeiro arqueólogo do personagem: condensa de forma coerente mais de 70 anos de histórias e as diferentes fases pela qual o personagem passou, resgatando e aprofundando o seu lado mítico e arquetípico. Obrigatório na prateleira de qualquer fã de quadrinhos que se preze. A fala de Jonathan Kent ao filho, mostrada em um dos primeiros teasers do filme é retirada dessa HQ’. Minha aposta é que boa parte dos diálogos vão ser tirados daqui.

01-All-Star-Superman

Origens

Visualmente também consegui identificar cenas muito parecidas com o primeiro arco de histórias também escrito por Morrison para os Novos 52, sobretudo a parte onde o Super é capturado pelo exército (e curiosamente a trama também envolve uma invasão alienígena).

2031019-a1

Lendo algumas coisas pela internet vi que o filme também trará elementos da clássica origem de John Byrne e Dick Giordano, que reformulou o personagem na fase pós-Crise nas Infinitas Terras…

Superman_0036

… do Legado das Estrelas, escrita por Mak Waid e que não acrescentou absolutamente nada ao personagem…

superman-o-legado-das-estrelas-em-06-completa_MLB-F-3623118368_012013

…bem como a Origem Secreta de por Geoff Johns, que também não acrescentou nada, mas ao menos ficou coerente com seus arcos com o personagem, além de ter sido legal ver o Super com a cara do Cristopher Reeve nas mãos de Gary Frank.

img041

Bom, se formos julgar pelas histórias em que possivelmente o filme se baseará ele será no mínimo melhor que seu predecessor. Confesso que manter as expectativas baixas está cada vez mais difícil e Nolan tem meu voto de confiança. Então vamos torcer pelo melhor. E você, caro leitor, aproveite que todas as histórias comentadas aqui foram lançadas no Brasil e prepare-se para o filme do Super. Para o alto e avante!

970552_448505415238892_1918530957_n

Anúncios

Sobre Nerdbully

Mestre do Zen Nerdismo.
Esse post foi publicado em Nerdbully e marcado , , , , , , , , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

6 respostas para Para o alto e avante: O que esperar de Man of Steel?

  1. Particularmente acho o Nolan assustador, aquele choque de realidade ao Batman me incomodou demais, tenho várias restrições aos filmes:
    – Batman filosofa e explica demais.
    – Pra que saber o mecânico do batmóvel?
    – Pra que aquele disfarçador pra voz? Bat Donald? Essa da voz é o mais ridículo, afinal todos os que têm contato com o Wayne acabam descobrindo que ele é o Batman. Continuasse no ritmo em que estava Wayne teria problemas com o fisco…
    – E o Batman torturador? Capitão Batmento?
    – A pouca profundidade dos argumentos foi medonho, dava pra fazer fácil um tilme só dos três.
    – O Robin é ridículo, mas mais ridículo ainda é quando o cara fala o nome, como se ninguém tivesse notado que o cara era um Robin.
    E tem mais um monte de coisas que me incomodaram demais, pareceu claro que nenhum dos envolvidos conheciam o Batman o suficiente, se era pra fazer um Batman provável de existir poderiam dar uma lida de verdade no Cavaleiro das Trevas do Miller.
    Seria absurdo se tentassem dar o tal choque no Super, afinal o cara é absolutamente improvável, é de outro planeta, voa, é invulnerável, tem visão de raio X… Se tentarem fazer do Superman um cara real ficará mais ridículo ainda que ficou o Batman.

  2. Nerdbully disse:

    Bom, eu particularmente sou fã da trilogia do Nolan, mas há certas coisas que também me incomodam, como a voz do Batman que vc citou e o aquela frase do primeiro filme: “Eu não vou te matar, mas não preciso te salvar” ou algo assim. Mas realmente não acho os argumentos poucos profundos se levarmos em conta que é um blockbuster, um filme de super-herói. Nolan deu sua concepção ao personagem e creio que ela é muito válida. Também penso que o objetivo de Nolan não foi tornar o Batman “um cara real”, mas crível. E espero que façam isso com o Super.

  3. Luiz André disse:

    Em seu texto foi comentada a receita certa para se boas adaptações de filmes de super-heróis: ao invés de abordar um arco específico que esteja ou não ligado às origens do personagem, a melhor ideia é capturar elementos da vasta cronologia e costurá-los à trama principal, fazendo com que haja o imediato reconhecimento por parte dos fãs e uma primeira incursão por parte dos neófitos. Geralmente, ao se fazer um filme de origem, já se sabe esquematicamente como ele vai ocorrer, do surgimento ao confronto derradeiro com o vilão, deixando que a segunda parte – caso a primeira tenha alcançado sucesso – consiga elevar a presença e a relevância do herói. Como muitos fãs do Superman, estou ansioso e receoso ao mesmo tempo com este novo filme e saber que os trailers estão empolgando o público é um meio alívio do que pode vir (não me engano mais com trailers!). Por outro lado, é preocupante o que muitas notícias apontam de que a Warner está apostando todas suas fichas neste novo filme para começar a deslanchar o filme da Liga da Justiça e dos demais heróis da casa. O que, por sinal, poderia render um outro texto por aqui, não?

  4. Nerdbully disse:

    Sim, a Liga mereceria um post, independentemente do filme.

  5. ótimo post! Mas algumas coisas que eu ja li sobre o filme já estão começando a me preocupar viu rapaz! valeu

  6. Pingback: Guerra dos Roteiristas E09 – J. Michael Straczynski x Scott Snyder | Quadrinheiros

Comente!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s